Ecobraz Emigre

Search
Close this search box.

Pegada de Carbono

img-1

O que é pegada de carbono?

Pegada de carbono é uma medida criada para medir a quantidade de gás carbônico emitido por uma pessoa de forma direta ou indireta.

O cálculo de pegada de carbono é feito levando em conta a emissão de CO2 por empresas, eventos, pessoas e organizações, pelas fontes usadas como a queima de combustíveis fósseis, o uso de recursos naturais, o consumo de energia e várias outras atividades.

Para que serve a pegada de carbono?

O conhecimento sobre a pegada de carbono tem vários objetivos, como a conscientização, marketing positivo e avaliação, sendo extremamente necessário para que as empresas e até mesmo as pessoas interessadas possam calcular a quantidade de gás carbônico que elas emitem no meio ambiente.

Em resumo, o conhecimento da pegada de carbono pode ajudar para que haja a formação de medidas que promovam a redução da emissão de gases poluentes. É uma forma de gerenciar a quantidade de gás carbônico lançado na atmosfera, um meio de evitar a sobrecarga do planeta e de seus recursos naturais.

Sendo uma informação essencial para que exista a conscientização do impacto que as pessoas causam diariamente por meio de pequenas e grandes ações.

Como medir a pegada de carbono?

Existem diversos sites que auxiliam a calcular a pegada de carbono através de algumas informações básicas, como: seu meio de transporte, hábitos alimentares e quanto de energia você gasta.

O site transforma essas informações em um valor aproximado da sua pegada de carbono e pode então ser comparada com a média global.

O que pode ser feito para reduzir a pegada de carbono?

Apesar de parecer ser uma ação complicada, a redução da pegada de carbono pode ser feita com pequenas escolhas diárias, por exemplo:

1- Mudar hábitos alimentares

Reduzir o consumo de carne para 4 ou 5 dias da semana em vez de todos os dias, já pode ajudar na redução da emissão de carbono. Além da redução da emissão de carbono, pode-se garantir refeições mais saudáveis.

2- Investir em um jardim

Parece ser irrelevante, mas mesmo que pequenos, os jardins podem ajudar a capturar CO2 da atmosfera. Seja em apartamentos ou casas, ter até dois vasos de planta traz certa mudança. Como bônus, deixa a casa com um ambiente diferente e acolhedor.

3- Reduzir o uso de plástico

Apesar de pratos, talheres e canudos de plástico serem bem mais práticos, eles são nocivos para o meio ambiente, pois demoram muito para se decompor e podem afetar os animais. Portanto, escolher talheres e pratos comuns e usar canudos de metal é uma boa escolha para a diminuição do uso de plásticos.

4- Reduzir o uso de transportes individuais

Mesmo que ofereça maior comodidade, o uso constante de transportes individuais, como carros e motos, gera maior queima de combustíveis fósseis.

Para reduzir isto, o ideal seria o uso de transportes públicos como ônibus e trens. Para curtas distâncias podemos usar bicicletas, skates ou até mesmo ir andando.

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compensar sua emissão de CO2 com o projeto de Reciclagem de Eletrônicos da Ecobraz Emigre pode ser benéfico por várias razões: