Ecobraz Emigre

Search
Close this search box.

Política Nacional de Resíduos Sólidos

img-1

O que é a política nacional de resíduos sólidos?

A política nacional de resíduos sólidos (PNRS) é uma lei que dita o descarte correto dos resíduos sólidos no Brasil.

Com o aumento da quantidade de lixo descartado, devido ao consumo, muitos resíduos não têm a destinação correta. Isto faz com que haja danos ao meio ambiente por meio da poluição de mananciais e do solo.

A PNRS integra todos os setores, sejam privados ou públicos, para que possam se responsabilizar e dar a destinação correta aos resíduos sólidos. Ele abrange aqueles que podem ser reutilizados e os que não podem, já que essa lei visa reduzir os impactos ambientais.

Quais os objetivos da política nacional de resíduos sólidos?

O maior objetivo da política nacional de resíduos sólidos é dar destinação correta aos resíduos, não gerar mais e promover maior reutilização. A ação ajuda com que não afetem o meio ambiente.
Ele tem quinze objetivos para cumprir essa meta, porém os seis mais importantes são:

  1. Proteção da saúde pública e do bem estar ambiental.
  2. Não geração, redução, reutilização, reciclagem e tratamento dos resíduos sólidos.
  3. Destinação e descarte correto dos rejeitos.
  4. Implementação e uso da logística reversa.
  5. Inclusão dos catadores de material reciclável nas ações de responsabilidade compartilhada, para promover o trabalho digno.
  6. Promoção da educação ambiental.

Quais são os tipos de resíduos sólidos?

Apesar dos resíduos estarem todos no estado sólido, eles devem ser diferenciados e separados para que possam ter a destinação correta, tendo cinco categorias que são:

1- Resíduos Industriais

São encontrados nos estados líquido, sólido, semissólido ou gasoso, esses resíduos estão entre os maiores poluentes, pois muitos não se dispersam na água ou têm alto valor para o descarte.

2-Resíduos Hospitalares

São os produzidos em locais que cuidam da saúde, como hospitais, clínicas odontológicas e veterinárias. Resumidamente, materiais que possam conter radioatividade, sejam cortantes ou contaminantes.

Sendo divididos em cinco grupos, todos os resíduos têm que ser descartados de acordo com o regulamento da ANVISA, para evitar que haja a contaminação do meio ambiente.

3-Resíduos Sólidos Urbanos

São os resíduos produzidos nas casas, comércios e limpeza pública. Estes contém materiais inorgânicos como o metal e isopor; orgânicos em geral e recicláveis, como papel, vidro e plástico.

4-Resíduos Nucleares

Se trata dos resíduos vindos de radioterapia, exames contaminados ou radioativos e medicina nuclear. Eles devem ser gerados e descartados de acordo com as normas da Comissão Nacional de Serviço Nuclear.

5-Resíduos Construção Civil

São os conhecidos entulhos, ou seja, tijolos, telhas, argamassas e concreto que são provenientes das obras civis, como ampliações, reformas e construções.

Os resíduos podem ser divididos em quatro categorias, porém independente delas, a empresa que faz o descarte deve atestar e cumprir todas as normas para provar que os resíduos tiveram uma destinação correta sem afetar o meio ambiente.

Qual a classificação dos resíduos sólidos ?

Para que os resíduos sólidos possam ser descartados corretamente eles devem ser classificados de acordo com sua origem, os impactos que eles podem causar ao meio ambiente, e se eles representam perigo à saúde, sendo divididos em duas categorias.

1 – Classe Perigosos

São resíduos que apresentam perigo por serem contagiosos, tóxicos, inflamáveis ou risco a saúde pública e ao meio ambiente

2 – Classe não perigosos

São resíduos que não apresentam nenhum risco à saúde e ao meio ambiente, podendo ser subdivididos em dois grupos: os inertes, que não podem ser diluídos ou não reagem quando entram em contato com a água; e os não inertes, que apresentam reação quando colocados em contato com a água.

Qual a vantagem da PNRS?

Aderir a política nacional de resíduos sólidos (PNRS) traz diversos benefícios para as empresas, tais como

1- Marketing positivo

Atualmente muitos compradores procuram empresas que têm maior responsabilidade ambiental, sendo uma grande estratégia de marketing, devido aos comentários dos clientes tanto em mídias sociais como para outras pessoas.

2 – Sustentabilidade

A sustentabilidade tem três princípios: meio ambiente, economia e sociedade. Com a adesão a empresa gera empregos, fabrica produtos de baixo impacto ambiental e os oferece por um bom preço.

3 – Valorização da empresa

A PNRS valoriza o descarte correto dos resíduos, portanto ao fazer isso a empresa recebe uma imagem mais sustentável e preocupada com o meio ambiente. Isso gera um bom marketing para a empresa.

4 – Redução dos impostos

A isenção dos impostos de renda, abatimento no ICMS, gera um aumento no lucro.

5 – Premiações e certificados

Se a empresa seguir um plano e proteger o meio ambiente, ela pode ser nomeada para receber prêmios e certificações que reconhecem sua boa gestão ambiental.

6- Redução de custos

Investir na redução de resíduos traz de certa forma uma economia para a empresa, já que custos para o despejo de materiais e aquisição de novos têm uma grande diminuição devido ao reaproveitamento.

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compensar sua emissão de CO2 com o projeto de Reciclagem de Eletrônicos da Ecobraz Emigre pode ser benéfico por várias razões: